Dois em um

A partir desta sexta-feira, 02 de março, o México e Irlanda serão países vizinhos. Pelo menos na noite curitibana. Os bares temáticos Sheridan´s Irish Pub e Taco El Pancho passam a contar com atendimento integrado e com isso o cliente pode aproveitar os dois espaços, seus drinks e comidas, indo e vindo livremente, com uma só entrada. O ingresso é gratuito até às 21h. A partir das 21h, custa R$ 5. O Taco abre às 18h e o Sheridan´s às 19h. Ambos funcionam de segunda a sábado, com cardápio de happy hour com promoções até 21h.
Taco e Sheridan´s fazem parte do Grupo Taco. Com a novidade, a ideia é oferecer ao público uma experiência ainda mais divertida, conta Gustavo Haas, que fundou as duas casas ao lado da sua mulher e sócia, Elsie Haas. “Esta era uma grande reivindicação dos clientes: circular pelos dois bares numa mesma noite, tendo uma só entrada. Então realizamos uma reforma que agora permite este giro sem fronteiras“.
Uma nova entrada foi construída junto ao acesso das duas casas, permitindo maior agilidade no fluxo de chegada e saída, e todo o sistema passou a ser unificado. É possível pedir comidas e bebidas do Taco no Sheridan´s e vice-versa. Apenas os coquetéis do bar de drinks do Taco continuarão tendo que ser pedidos somente neste local, mas o cliente pode ir com eles sem limitações por todos os ambientes das duas casas. “Cada casa continua com sua identidade. A proposta é que as pessoas possam aproveitar tudo num só endereço. Dá para jantar no Taco, ir ver um show no Sheridan´s e depois voltar para relaxar no deck do Taco“, conta Elsie Haas.


Serviço
Local: Taco El Pancho (Av. Bispo Dom José, 2295 – Batel)
Horário: de segunda-feira a sábado, a partir das 18h
Entrada: livre até 21h, após R$ 5.
Informações e reservas: (41) 3342-1204
Local: Sheridan´s Irish Pub (R. Bispo Dom José, 2315 – Batel)
Horário: de segunda-feira a sábado, a partir das 19h
Entrada: livre até 21h, após R$ 5
Informações: (41) 3343-7779

Tamie Ono Lor
Tamie Ono Lor
Tamie é jornalista e possui especialização em Novas Tecnologias da Comunicação. Ela está sempre querendo absorver um pouco do mundo que a cerca, de preferência com uma câmera na mão. A oriental respira cultura e seu trabalho é também sua diversão.