Cine Passeio

(Crédito: Cido Marques)

Você se lembra dos cinemas de rua? Os espaços estão voltando a tomar conta da cidade com a inauguração do Cine Passeio, na esquina das ruas Riachuelo e Carlos Cavalcanti, no dia 27 de março. A inauguração será às 19h30 e faz parte das comemorações do aniversário de 326 anos da cidade. A fachada vai virar tela e homenageia a história do cinema
O investimento no projeto, que levou aproximadamente dez anos para ser concluído, é de R$ 9,5 milhões, recurso captado pela Prefeitura por meio de comercialização de cotas de potencial construtivo. Com área de 2.597 m², o Cine Passeio ocupa uma edificação histórica, classificada como Unidade de Interesse Especial de Preservação (UIEP), que foi totalmente restaurada e adaptada para receber as atividades culturais dentro do programa Rosto da Cidade. O espaço terá as salas Luz e Ritz que homenageiam antigos cinemas e no terraço, filmes a céu aberto.
Com capacidade para 90 pessoas, as salas possuem os mais modernos equipamentos de projeção e sonorização existentes no mercado. São dotados de tecnologia para recepção de filmes em formato DCP (digital cinema package), com alta qualidade de desempenho, possibilitando inovação ao setor audiovisual.
Já a partir do dia 28 de março, as duas salas estarão em funcionamento. Com curadoria de dois especialistas, o crítico de cinema Marden Machado e o cineasta Marcos Jorge, a programação será montada com produções disponibilizadas pelas distribuidoras comerciais. As cinematografias clássica e contemporânea, além de mostras especiais, serão contempladas na programação.
O complexo tem no subsolo uma área dedicada às ações de formação, que recebeu o nome de Espaço Valêncio Xavier, homenagem ao escritor, cineasta e criador da Cinemateca de Curitiba, falecido em 2008. Conta com uma sala multiuso (Estúdio Valêncio Xavier), com 110 lugares, também dotada de modernos equipamentos, com projetor móvel e tela retrátil.
No mesmo ambiente funcionará a Sala Video On Demand (VOD), que se refere ao consumo de conteúdo digital com escolha do usuário, como por exemplo Netflix e Amazon. Com tela 4K de 86 polegadas, o local possibilitará o acesso a diversos conteúdos digitais.
No piso está instalada também a segunda unidade do Worktiba, primeiro coworking público do Brasil criado para atender a necessidade de pequenos e microempreendedores. Esta unidade terá como foco a economia criativa, o audiovisual e a inovação.
O segundo pavimento, onde também está a Sala Ritz, dispõe de uma área para cursos na área do audiovisual, que pode ser locada e utilizada por produtores independentes, parceiros estratégicos, como a Universidade Estadual do Paraná (Unespar), a Associação de Vídeo e Cinema do Paraná (Avec) e o Sindicato da Indústria do Audiovisual do Paraná, e também pelo público em geral.
Um cinema a céu aberto também faz parte do complexo do Cine Passeio e funcionará no terraço, que dispõe ainda de uma área para eventos. Esse local poderá ser utilizado para atender eventos ligados às áreas de economia criativa (design, moda autoral, gastronomia).
Junto à entrada do Cine Passeio, na Rua Riachuelo, e no mesmo no mesmo piso da Sala Luz, funcionará uma cafeteria, que trabalha com produtos selecionados da região de Curitiba (cafés, vinhos e cervejas artesanais).
O Cine Passeio passa a ser uma nova unidade da Fundação Cultural de Curitiba dedicada à linguagem audiovisual, assim como a Cinemateca e o Cine Guarani. A administração do espaço está a cargo do Instituto Curitiba de Arte e Cultura (Icac).
O Cine Passeio estará aberto ao público a partir do 28 de março, às 19h. O filme de estreia da programação é Albatroz, com exibição simultânea, nas Salas Luz e Ritz. Para comemorar o início das projeções, estarão presentes o diretor do filme, Daniel Augusto, e os atores Alexandre Nero e Maria Flor. O filme conta a história de um fotógrafo atormentado após registrar um atentado terrorista. No elenco estão também Camila Morgado, Andrea Beltrão e Andréia Horta. Os ingressos estarão à venda no local.
No dia 30 de março haverá um evento especial no Espaço Valêncio Xavier, sendo prestadas homenagens ao fundador da Cinemateca com a presença de seus familiares. Na ocasião será aberta uma mostra de filmes de Glauber Rocha.
No mesmo dia, será apresentado o projeto Cinco Sentidos, com a exibição do filme Estômago, de Marcos Jorge, no cinema a céu aberto localizado no terraço do Cine Passeio. As comemorações continuam até o fim da semana, com a realização da primeira sessão da meia-noite, na sexta-feira, dia 29, que acontecerá uma vez por mês, e com a matinê para crianças, no domingo, dia 31, às 10h30, que ocorrerá duas vezes por mês. Os filmes a serem exibidos nessas sessões estão em definição.

Tamie Ono Lor
Tamie Ono Lor
Tamie é jornalista e possui especialização em Novas Tecnologias da Comunicação. Ela está sempre querendo absorver um pouco do mundo que a cerca, de preferência com uma câmera na mão. A oriental respira cultura e seu trabalho é também sua diversão.