Rock’N’Beans


Tem novidade no Mustang Sally! O restaurante
lança o Rock’N’Beans, uma feijoada que será servida aos sábados, a partir do dia 28 de março. Exclusividade da unidade Batel, o novo prato do Mustang Sally trará, além das delícias brasileiras, um toque tex-mex.

De entrada, o delicioso caldinho de feijão acompanhado de torresmo fininho crocante e crispy de couve. No prato individual servido à mesa, arroz, couve refogada, torresmo e laranja. Para compartilhar, macaxeira na manteiga, banana da terra, linguiça petisco e milho tostado. Na tradicional cumbuca de barro, uma curtida feijoada com carne seca, lombo, costelinha defumada, bacon, linguiça calabresa e paio. E para ressaltar ainda mais a mistura de sabores, a Rock’N’Beans acompanha um dos carros-chefes da casa: a Rob´s Famous Ribs (costelinha ao molho BBQ do Mustang Sally). Todos os pratos que compõe a Rock’N’Beans podem ser repetidos à vontade, com valor único de R$ 44,00 por pessoa.

O Rock’N’Beans será uma exclusividade do cardápio de almoço aos sábados, servida das 12h às 16h, na unidade Mustang Sally Batel. E mais: nas 3 primeiras semanas de operação, parte do valor arrecadado com o Rock’N’Beans será direcionada para instituições sociais, iniciando por uma organização de apoio à luta contra o câncer de mama. A cada sábado, uma instituição será contemplada.

Há tempos conversávamos para criar um prato que misturasse os diversos elementos das três gastronomias de forma única. Com o Rock’N’Beans, além de ajudar diversas pessoas no tratamento contra o câncer, esperamos trazer ao público uma feijoada incrível, com o sabor e a picância multicultural”, explica André Santos, gerente do Mustang Sally Batel.

Serviço

Rock’N’Beans solidário

Local: Mustang Sally Batel (Rua Cel. Dulcídio, 517 – Batel)

Horário: Aos sábados, das 12h às 16h

Local:, Curitiba)

Informações: (41) 3018-8118

Tamie Ono Lor
Tamie Ono Lor
Tamie é jornalista e possui especialização em Novas Tecnologias da Comunicação. Ela está sempre querendo absorver um pouco do mundo que a cerca, de preferência com uma câmera na mão. A oriental respira cultura e seu trabalho é também sua diversão.