Musical sobre Judy Garland

Cláudia Netto fala sobre a vida de Judy Garland (Crédito: Gisleine Moreira)

A história de Judy Garland (1922 – 1969) é fantástica. A montagem que ganhou os palcos é baseado nos últimos seis meses de sua vida representada de forma bem humorada. “É uma história muito triste, mas contada de uma maneiro muito para cima”, conta Aniela Jordan, diretora da produção.

O texto do inglês Peter Quilter, ganhou versão brasileira com a assinatura da dupla Charles Möeller e Claudio Botelho. A atriz/cantora que representou inúmeras personagens e imortalizou canções cantadas por ela não representada à história dramática de Judy.

Ela que sempre foi intensa participou do sucesso juvenil O Mágico de Oz, mas também teve inúmeros casamentos fracassados e era dependente química. A peça, Judy Garland – O Fim do Arco Íris, flagra os bastidores de sua última turnê, em Londres, em 1968, entre momentos no palco e em um quarto no Hotel Ritz, onde se hospedava com seu quinto marido.

Judy teve uma vida dramática marcado por problemas financeiros, amores e preocupada com a beleza. Judy é interpretada nessa versão brasileira pela atriz Cláudia Netto. A atriz brasileira teve seis meses de estudo e apenas dois de ensaio para mostrar ao público essa parte da vida da estrela de Mágico de Oz.

A montagem inglesa do espetáculo, que fala sobre a mãe de Liza Minelli, ganhou destaque na imprensa britânica e arrancou elogios.  Na versão brasileioa quem dá vida a Judy é a Claudia Netto que contracena com Francisco Cuoco e Igor Rickli.

Serviço
Data: 05 e 06/04/2012
Horário: 21h
Local: Teatro Guaíra
Ingresso: R$ 50 (inteira) e 25 (meia)

Tamie Ono Lor
Tamie Ono Lor
Tamie é jornalista e possui especialização em Novas Tecnologias da Comunicação. Ela está sempre querendo absorver um pouco do mundo que a cerca, de preferência com uma câmera na mão. A oriental respira cultura e seu trabalho é também sua diversão.